segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

O sorriso da Monalisa

  Seus olhos castanhos são um mistério para mim.
  Esses olhos que me olham tal qual a Monalisa, que inexpressa o que você é ou sente.
  O seu sorriso, incógnita que mais complica do que auxilia neste ser que tanto quero ler.
  Essa indecifração que consome o meu ser por inteiro, que necessita ler e pede para ser lido, eu, esse livro aberto que se mostra tão desejoso de você.
  Engraçado... Você, que sempre foi o meu passado, é meu presente e será o meu futuro, esconde-se de mim como uma criança a brincar, que brinca com os meus sentimentos, que brinca com o meu brio.
  Faz de mim o seu menino, sequioso por seu acalanto, apaixonado por seu você. Enebriado por seus encantos, perdido em você.
  Mistério que me faz te seguir cegamente, esperando um dia poder mergulhar em você.

O Retrato

  Era um olhar encantador.   Uma candura na forma de rosto de menina, de mulher, que conseguia esconder bem, todos os seus segredos. Era ...